9 de março de 2013

A caminhada



Chega um momento na vida que você cansa da mesmice de sempre e deseja partir para algo novo, de alcançar uma mudança repentina que tem o poder de te impulsionar do presente para o futuro almejado. É complicado se desabituar de rotina, de lugares, pessoas... Mas para conquistarmos certas coisas temos de abrir mão de outras: é a lei da vida. Certos hábitos e costumes não percebidos dão espaço às coisas que estão por vir. A mudança além de transpirar, brota do interior. Não podemos ter medo de mudanças. É preciso arriscar para alcançar o que queremos. Sem garra, esforço e dedicação, nada acontece.

Sonhe alto. Para você acertar uma flecha você precisa mirar bem alto pra ela cair aonde você quer. Mas, é sempre bom saber para que lado o vento sopra. Às vezes, quando sonhamos em voz alta corremos o risco que as coisas não aconteçam como esperado e convêm guardar certas coisas para si. Vai no seu tempo que o seu tempo é o tempo certo. Escolher o seu tempo é ganhar tempo e quando não tem escolha (?), é perda de tempo! Pior que nada na vida acontece por acaso, e às vezes, a gente nem percebe que é o destino cruzando o nosso caminho. 

Nós somos como um pássaro preso que se liberta e toma coragem de deixar tudo para trás num voo rasante para ir em busca de seus sonhos. Querer é poder. Mas não adianta sonhar se você não tiver a atitude de caminhar um passo por vez para chegar onde deseja. Sonhar e não lutar é como querer andar de pernas atadas. Para chegar lá temos de passar por muitos sacrifícios e batalhas diárias. Temos de passar por coisas que antes nunca pensamos. É necessário que saibamos aprender a conter a palavra em momentos de raiva, ter cautela e saber esperar o momento certo de agir, criar a coragem de enfrentar os inimigos interiores e procurar se abster de conflitos. Até porque participar de brigas e discussões só serve para juntar amargura e rancor: ninguém sai como ganhador ou perdedor. 

Mas nada acontece assim, de uma hora pra outra. Até lá iremos muitas vezes querer voltar atrás, mas é necessário ter persistência. Às vezes perdemos, mas temos que aprender a ser forte para prosseguir. A graça da vida está nas dificuldades e cada um carrega o peso da cruz que pode suportar. Direciona um rumo para o horizonte, guiando-se pelos seus ideais e mantendo sempre a fé. A caminhada é longa, a subida é árdua, mas a vista é recompensadora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Parceiros