22 de setembro de 2015

Whisky com Nescau





A cantora e compositora britânica Amy Winehouse ficou conhecida mundialmente por suas músicas de sucesso e pelo abuso de drogas e bebidas que levaram-na à morte.

Não é preciso de muito esforço para perceber que a nova geração de crianças e adolescentes está cada vez mais precoce, pulando muitas etapas da vida. Basta observar melhor o mundo à sua volta. Hoje palavras como "ficar", "pegar" e "comer" fazem parte das conversas nas rodas de amigos e ganharam um novo sentido, nenhum pouco inocente. A balada é ambiente de caça. "De copo sempre cheio, coração vazio". Jovens da faixa entre os 12 (senão menos) aos 20 e poucos anos levantam copos cheios de bebidas alcoólicas (sim, nada de Coca-Cola), cantam em coro frases de músicas que são conhecidas e dançam incansavelmente coreografias um tanto quanto obscenas. Buzz Lightyear e Woody deixaram de ser os melhores amigos e os brinquedos mudaram. Na boa, se você tiver menos de 18 anos, larga esse copo de Whisky e volta para o seu Nescau. Cada etapa tem seu tempo certo para acontecer. 

É comum nas redes sociais ver adolescentes durante a semana compartilhando imagens de positividade, paz, frases prontas e nos finais de semana contradizendo tudo o que haviam pregado. Na maioria das vezes, postam fotos que remetem ao alcoolismo, carregadas de legendas do tipo: "O melhor final de semana da minha vida!" - "Eu fiz isso? Nossa, nem lembro!". Quando você acha que tudo e todos estão pirando. Crianças, um recado para vocês: não vale a pena substituir os desenhos animados por festas em boates. Nunca percam a inocência. Continuem acreditando que a vida não vai muito além de Tom perseguindo Jerry, Papa-Léguas fugindo das armadilhas do Coiote e da Esquadrilha Abutre tentando pegar o Pombo Correio. É preciso saber dividir as fases da nossa vida e aproveitar ao máximo cada uma delas. Não dá para misturar a infância com a adolescência e a fase adulta, muito menos Whisky com Nescau. Primeiro beba seu Nescau, depois quando já tiver idade suficiente de pagar as suas contas e se virar sozinho, está permitido beber Whisky (desde que com moderação). "Que careta. Quem não faz isso?". Creio que você não precisa se comportar como a maioria, pois cada um possui seu direito de escolha. Pessoas que seguem/adoram modinhas geralmente não têm personalidade. É preciso ter boa índole acima de tudo e julgar o que é melhor e o mais correto para você. Às vezes tudo o que precisamos é saber fazer as escolhas certas.

Mais tarde, você vai entender que o mundo em que vivemos vai muito além de desenhos animados. Na confusão e nas consequências, vai tropeçar na vida pela falta de experiência, mas só assim, vai aprender com os erros e acertos. Vai encontrar na sua frente um leque de opções, trilhos duplos e um nó para desenrolar ao longo desta fase quase-adulta. Vai se deparar com a sua primeira decepção amorosa: laranjas não são limões e nem procuram por metades. Na adolescência, vai procurar por limões para espremer na bebida. Sem pestanejar, vai querer voar para longe da barra da saia da mãe - às vezes, mais longe do que deveria. Um dia os trinta anos vão bater à porta e você vai querer voltar aos quinze. Com a idade adulta vem o benefício de controlar a nossa vida, assim a maioria dos nossos dias de espera fica pra trás. Mas estamos perdendo alguma coisa quando não mais sentimos prazer e expectativas. Com a espera vem a surpresa e, eventualmente, a emoção de receber o que tanto queríamos. Muitos acham que felicidade é definição para falta de bom senso. Já dizia o político e filósofo inglês, Francis Bacon: "Escolher o seu tempo é ganhar tempo". Temos que viver a nossa vida e aproveitá-la da melhor forma possível para conquistar a felicidade plena. O que você não adquire com um ingresso por trinta reais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Parceiros